Do Café ao Happy Hour - Mais do que um site de notícias, uma revista digital

CURIOSIDADE

Air Fryer vira fenômeno dos cozinheiros amadores na quarentena

Vendas da fritadeira sem óleo disparam em marcas como Polishop, Mondial e Britânia e revelam tendência para o mercado de eletrodomésticos

Se você não influenciou alguém a fazer uma compra na quarentena, provavelmente você foi o influenciado. No caso desta jornalista, a influência veio dos amigos durante uma chamada de vídeo. Com todos em suas casas, a troca de receitas culinárias ficou mais frequente, e junto vieram entusiasmadas indicações para comprar a “milagrosa” fritadeira sem óleo, também chamada de air fryer.

O que aconteceu nesse pequeno grupo de amigos é uma amostra de como o equipamento se popularizou. Atualmente, o índice de busca pelo termo air fryer no Google é de 71 numa escala que vai até 100. O ponto máximo da escala indica o pico das pesquisas, atingido na última Black Friday. Antes da pandemia, estava em apenas 27; subiu para 71 em abril e tem se mantido nesse nível. O interesse dos brasileiros tem se refletido nas vendas do produto. Segundo a empresa de pesquisa GfK, a fritadeira elétrica teve aumento na demanda online de mais de 100%.

Na varejista Polishop, a mais famosa propagandeadora da panela mágica, em maio e junho as vendas da air fryer cresceram 32% quando comparadas com o mesmo período do ano passado. Segundo o presidente da varejista, João Appolinário, os consumidores passaram a ver os benefícios de praticidade e saudabilidade da air fryer“A Polishop sempre comunicou o benefício de seus produtos e a fritadeira se encaixa bem nesse discurso”, afirma. A Polishop vende modelos com preços entre 1.000 e 1.500 reais.

Para conseguir aumentar as vendas durante a pandemia, a empresa passou por altos e baixos. O desafio era fazer o e-commerce alavancar e realizar a logística reversa dos produtos, já que 65% do estoque fica nas 287 lojas físicas. “As lojas foram fechadas de uma hora para a outra e ninguém tinha um planejamento de como agir numa pandemia”, diz. Atualmente, cerca de 50% das lojas da Polishop estão abertas.

Página:

http://www.docafeaohappyhour.com.br/noticia/curiosidade/2020/07/19/air-fryer-vira-fenmeno-dos-cozinheiros-amadores-na-quarentena/587.html